Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

População já aproveita nova orla na Pituba


 Corredores, ciclistas, praticantes da boa e velha caminhada e até mesmo aqueles que passeiam à beira-mar. A Pituba agora tem um novo clima na orla, após as obras de requalificação da segunda etapa do trecho Amaralina/Pituba serem concluídas pela Prefeitura. As melhorias foram conferidas neste sábado (14) pelo prefeito ACM Neto e gestores municipais.

 

As intervenções englobaram 2,2km, desde o Largo das Baianas até a Vila Jardim dos Namorados. O investimento foi de R$27,8 milhões, fruto de financiamento com a Corporação Andina de Fomento (CAF). Com mais esse trecho, Salvador passa a ter a mais longa extensão ininterrupta de orla requalificada da história, compreendendo os bairros da Barra, Ondina, Rio Vermelho e, agora, Amaralina e Pituba.

 


O prefeito salientou que, além da beleza, a requalificação traz outros importantes impactos para a capital baiana. "Primeiro, permite que as pessoas possam curtir a cidade. Também se torna um elemento de atração turística, sendo mais um motivo que convida outras pessoas a visitarem Salvador."

 

O chefe do Executivo municipal elencou também a valorização da região a partir dessa obra. "Toda essa transformação urbanística vai ter um impacto importante no futuro dessa região, a exemplo de novos investimentos imobiliários e presença maior de prestadores de serviço como bares, restaurantes e academias de ginástica, além do comércio de rua. Isso significa movimentar a economia e geração de emprego e renda", avaliou ACM Neto.

 

Melhorias – A requalificação da segunda etapa do trecho Amaralina/Pituba foi coordenada pela Casa Civil, com projeto urbanístico desenvolvido pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) e execução supervisionada pela Secretaria de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), através da Superintendência de Obras Públicas (Sucop). Dentre as intervenções está a repaginação de todo o calçadão, com a implantação de quiosques, equipamentos de ginástica, ciclovia e paraciclos.

 

Também há pergolado para a prática de atividades ao ar livre, como ioga, tai chi chuan e meditação, ciclovia, vala técnica, pavimentação, drenagem, equipamentos urbanos, travessias, novos passeio e meio-fio, guarda-corpo em aço inoxidável com acessos à praia e muretas para proteção de pedestres, além de semáforos inteligentes e paisagismo. A fiação é subterrânea e a iluminação é toda em LED. Foi feito, ainda, reforço de alvenaria de pedra na Pituba.

 

Agradecimento – Ao passarem pela orla na Pituba, os moradores demonstravam profunda gratidão pela iniciativa municipal. Uma dessas pessoas é a enfermeira Jurema Souza, 40 anos, residente no bairro há dez anos. “Está linda, nunca esteve assim há anos. Antes era um caos, cheia de buracos, muito feia. Agora, nossa, melhorou 100%. A vegetação está linda, melhorou o asfalto e a iluminação, a parte do ciclismo está muito bacana. A Prefeitura está de parabéns” pontuou.

 

Também residente há uma década na Pituba, o empresário do ramo imobiliário José Carlos Abbade, 72 anos, era só satisfação com a intervenção na orla. “As pessoas saindo de outros bairros para vir para cá, uma coisa mais linda. Pedimos por essa obra e foi feita. Se tivemos humildade para pedir, também temos que ter humildade para agradecer”, declarou. Ele ainda informou que cada um dos prédios das imediações adotou um coqueiro para ser regado diariamente.

 

Primeira etapa – A primeira etapa da obra correspondeu ao trecho do Quartel de Amaralina ao Largo das Baianas e foi entregue no dia 7 de agosto deste ano. Com 1,1km de extensão, as melhorias envolveram recuperação de passeios, pista de ciclismo, acessos à praia, rampas e escadas acessíveis, recuperação da alvenaria de pedra, pavimentação asfáltica, fiação subterrânea, iluminação em LED e melhorias viárias.

 

Além disso, a área ganhou mais três espaços: a Praça João Amaral, a Praça do Budião e o Monumento do Surf, além da requalificação da Praça das Baianas. Com os dois trechos, foram requalificados 3,3km com investimento total de R$45,4 milhões.

 

Balanço – Desde 2013, a Prefeitura já investiu mais de R$300 milhões na requalificação de 25 trechos de orla. Os locais beneficiados são Tubarão, São Tomé de Paripe, Rua Almeida Brandão (Plataforma/Itacaranha), Ribeira, Barra, Ondina, Rio Vermelho, Jardim de Alah, Boca do Rio, Piatã, Itapuã, Farol de Itapuã, Ponta de Humaitá, Amaralina, Pituba e Prainha do Lobato. Outros dois trechos estão com obras em andamento: Boa Viagem e Stella Maris/Praia do Flamengo.

 


--

Fotos: Max Haack/Secom


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑