Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

Chefs de cozinha baianos assinam receitas com ingredientes da agricultura familiar em calendário

 

Receitas com ingredientes tradicionais e saudáveis da agricultura familiar baiana, elaboradas por chefs de cozinha, cozinheiros e cozinheiras da Bahia, a exemplo da Moqueca Trilogia, da chef Tereza Paim, e Pão de Copioba, da padeira Andrea Albuquerque, estão disponíveis no Calendário 2021 do Bahia Produtiva, projeto do Governo do Estado executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). Todas as receitas estão disponíveis no site www.car.ba.gov.br. 


 


A ação é resultado de uma parceria consolidada entre a SDR/CAR e os profissionais da cozinha, para aproximá-los de associações e cooperativas da agricultura familiar. A parceria já rendeu atividades como as expedições gastronômicas por sistemas produtivos estratégicos na Bahia, com visitas de chefs de cozinha a comunidades rurais, e a Cozinha Show, que apresentou nas últimas edições da Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária, receitas elaboradas por cozinheiras e cozinheiros utilizando como ingredientes produtos da sociobiodiversidade baiana, produzidos pela agricultura familiar, a exemplo do cacau e chocolates especiais, licuri e farinha de copioba. 


Andrea Albuquerque, padeira e sócia/proprietária da Divino Pão, explica que, ao longo desses cinco anos de existência a Divino Pão, sempre trabalhou priorizando o uso dos ingredientes locais, oriundos da agricultura familiar, produzidos no estado: “É a forma que encontramos de valorizar e estimular a produção local, dando uma identidade única para nossos produtos. Um dos carros-chefe da padaria é o pão de Copioba, um tipo de farinha de mandioca produzida, exclusivamente, na Bahia. Em nossas receitas já usamos licuri, café, cacau e chocolate, todos produtos da agricultura familiar baiana”. 


Caco Marinho, presidente do Instituto Ori e cozinheiro da Aliança do movimento SlowFood, que defende a soberania e a segurança alimentar, atuando como embaixador do alimento bom, limpo e justo para todos, destaca a importância dessa aproximação com a agricultura familiar: "Os cozinheiros da chamada ecogastronomia ou gastronomia responsável são coprodutores e andam juntos, lado a lado, com os produtores, respeitando o tempo de cada coisa, os limites dos recursos naturais, o valor da força e trabalho e o saber fazer. Acreditam no alimento como um poderoso transformador social”. 

 

O Bahia Produtiva valoriza os produtos locais e também a aproximação de agricultores familiares dos profissionais do setor da gastronomia da Bahia. Com uma série de ações, que o projeto vem realizando nos últimos três anos, para aproximar o mundo rural desses profissionais, formadores de opinião: "O calendário é mais uma ação feita pelo projeto, em parceria com chefs de cozinha, cozinheiros e cozinheiras da Bahia e serve tanto para destacar e valorizar os produtos, quanto para mostrar possibilidades e oportunidades de receitas e preparações, que podem ser feitas no dia a dia, com os produtos da agricultura familiar baiana", explica Guilherme Martins, coordenador de Inteligência de Mercado do Bahia Produtiva. 

 


Para conferir, baixar as receitas e experimentar, clique em: https://urless.in/S2Ue0.  



Fotos: André Fofano 


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑