Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021

Dia Nacional da Mamografia reforça importância de cuidar da saúde



Cuidar preventivamente da saúde ajuda tanto no combate de doenças quanto na prevenção dos males. Neste mês de fevereiro, quando é celebrado o Dia Nacional da Mamografia (5 de fevereiro), este cuidado ganha ainda mais evidência – afinal de contas, o exame é o recurso que permite descobrir os tumores na mama, a fim de tratá-los. 


No Brasil, o câncer de mama é o tipo mais comum da doença entre as mulheres, segundo relatório do Instituto Nacional de Câncer (Inca). Apesar da campanha Outubro Rosa, que chama a atenção para a necessidade de realização de exames preventivos, os cuidados devem ser tomados durante o ano inteiro, muitas vezes com o auxílio da mamografia. 


A ginecologista e técnica do Campo Temático Saúde da Mulher da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Sandra Marques, explicou que, no geral, a primeira mamografia para rastrear a doença é recomendada após os 50 anos para quem não tem histórico ou risco. Do contrário, é possível fazer a investigação já aos 40 anos e, nos casos de suspeitas, o quanto antes. 


"A mamografia permite que o tumor seja visualizado, medido e avaliado, sem ser de modo invasivo. No entanto, é importante considerar que a mulher tenha costume de se olhar, observar as mamas, apalpar. Este provavelmente será o primeiro momento em que ela vai identificar alguma anormalidade e procurar o serviço de saúde", pontuou. 


Sandra destacou ainda que há um outro cuidado que pode ser o diferencial na descoberta do câncer: a avaliação da mama por um profissional de saúde. "Isso é importante porque na solicitação da mamografia, muitas vezes, as pacientes relatam terem feito a mamografia, mas não terem as mamas examinadas", detalhou. 


Acesso – Para fazer o exame de mamografia pelo serviço de saúde municipal, é necessário que a paciente procure qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS) ou de Saúde da Família (USF) para uma consulta com o ginecologista, portando o RG e o Cartão SUS. A partir deste atendimento, ela é encaminhada para realizar os exames relacionados à saúde da mulher como a mamografia e ultrassonografia - neste período de pandemia, todos os procedimentos são realizados seguindo os protocolos sanitários contra a Covid-19. 


A marcação da mamografia e demais exames na capital baiana ocorre por meio das unidades de saúde que são integradas ao sistema municipal Vida. Atualmente, o município conta com 14 prestadores para a realização do exame em Salvador. Em 2020, dos 65 mil exames de mamografia oferecidos, 41 mil foram agendados. Em janeiro deste ano, foram agendados 3,6 mil dos 4,2 mil exames disponíveis.


Doença – O câncer de mama pode apresentar diversas causas, mas alguns fatores podem aumentar o risco como obesidade e sobrepeso após a menopausa, consumo de bebida alcoólica e uso de contraceptivos hormonais. Em Salvador, a doença vitimou 183 mulheres em 2020.


 



0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑