Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 22 de março de 2021

Fapesb prorroga bolsas de mestrados e doutorados em virtude da pandemia do coronavírus


 Os estudantes que tiveram as suas pesquisas prejudicadas durante o período pandêmico poderão prorrogar as bolsas de estudo por pelo menos três meses


Em virtude do período de pandemia do coronavírus que atinge o Brasil há mais de um ano, a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) junto com a Fundação de Amparo e Pesquisa da Bahia (Fapesb) irão prorrogar, por mais três meses, as bolsas de estudo científico dos alunos de mestrado e doutorado apoiados pela fundação que tiveram o andamento de suas pesquisas prejudicadas pela emergência de saúde. A decisão foi aprovada pelo Conselho da Fapesb, em reunião virtual e extraordinária, nesta sexta-feira (19), com a presença da secretária da Secti, Adélia Pinheiro, o diretor Geral da Fapesb, Marcio Costa e demais conselheiros.


De acordo com o diretor Geral da Fundação, Márcio Costa, a pandemia continua afetando o regular desenvolvimento das teses e dissertações dos alunos, por causa da dificuldade dos bolsistas não estarem em laboratórios ou em campo devido às recomendações das medidas de isolamento social defendidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). “Dessa forma, todos os bolsistas que tiverem o trabalho afetado de alguma maneira pela pandemia em 2021 poderão ter suas bolsas prorrogadas, como feito ano passado. O diferencial nesse ano é que faremos um esforço ainda maior, ampliando o prazo de prorrogação para até 90 dias, permitindo assim que os bolsistas tenham mais tempo para a conclusão de seus cursos”, contou.


A secretária Adélia lembrou que é importante destacar que serão investidos cerca de R$ 2,4 milhões para a continuidade dessas pesquisas. Ela reiterou a necessidade de ser justo com os pesquisadores para que os mesmos consigam concluir seus projetos. “As bolsas prorrogadas serão aquelas que tinham a finalização prevista para qualquer dos meses de 2021 desde que as pesquisas tenham enfrentado dificuldade por conta da pandemia. É importante verificar os requisitos mínimos definidos da resolução, cabendo às instituições responsáveis pelo programa analisar cada caso”, afirmou.  


Além da prorrogação das bolsas, a secretária destacou também, durante a reunião, que a decisão não afetará o cronograma de 2021 sobre a oferta de novas bolsas. “O cronograma de novas bolsas se mantém. Essa medida tem um impacto financeiro razoável, entretanto é de entendimento da Fapesb o quanto é importante apoiar os mestrandos e doutorandos que em razão da pandemia tiveram os seus trabalhos dificultados. Não podemos correr o risco de perder tudo que já foi investido nessas pessoas e pesquisas”, concluiu Adélia.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑