Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 15 de abril de 2021

Evento on line marca o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, neste domingo, dia 18

 


Evento on line e aberto ao público marca o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, neste domingo, dia 18


 


A data, que visa a valorização e proteção de bens culturais em todo mundo vai abordar a  ressignicação do Patrimônio  Cultural pós-pandemia.


A trilha sonora do evento terá participação especial do Brasil Afro Sinfônico, com Olodum, Armandinho Macedo e a Orquestra Filarmônica de São Petersburgo


 


 


Em comemoração pelo dia Internacional dos Monumentos e Sítios, o projeto Património SCENA 5.0 vai apresentar, no próximo dia 18 de abril, às 20 horas (16h no  Brasil), o evento “Alma Mater- A voz do património por trás das máscaras -  Passados complexos: Futuros diversos”. O projeto, que vai apresentar sitios do Patrimônio Cultural do Brasil e de Portugal, foi idealizado e produzido pelo produtor baiano Christiano Bomfim (membro ISCSBH ICOMOS) e conta com o apoio da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra, Associação RUAS,  ICOMOS Portugal e Criola Filmes. O evento será aberto ao público com transmissão por streaming (ondemand) no Canal Facebook do ICOMOS-PT. https://www.facebook.com/icomos.portugal  e através da plataforma digital Go-Live-Cult. https://www.facebook.com/Go-Live-Cult-105707958297035/


No evento, serão abordados temas como a ressignificação do Património edificado em tempos pós-COVID-19, preocupações acerca dos Patrimónios Mundiais, modernização de boas práticas de projetos para o envolvimento da comunidade e sustentabilidade socioeconómica dos monumentos e sítios classificados no contexto da diáspora portuguesa. Serão apresentados o Centro Histórico de Salvador, como exemplo de sítio de influência portuguesa, e a comunidade pesqueira da Gamboa de Baixo na  Baía de Todos os Santos.


Dentre os nomes que vão marcar presença no vídeo documentário produzido pelo projeto, o vice-reitor para o Patrimônio da Universidade de Coimbra, Alfredo Dias; o professor João Gouveia Monteiro, diretor da Biblioteca Joanina; a arquiteta Soraya Genin, presidente ICOMOS Portugal; Teresa Veiga Macedo, representante do World Monuments Fund (EUA); a arquiteta Maria José Freitas, presidente do Board Património Partilhado ISCSBH ICOMOS e Malvedil Júnior, presidente da Associação História de Pescadores da Gamboa


“No ano em que se apela globalmente para uma maior inclusão e reconhecimento da diversidade, um exame crítico do passado, práticas de planeamento para o futuro do Património Cultural e a omissão de certas narrativas que privilegiam determinadas histórias em detrimento de outras, o projeto Património SCENA 5.0, para além de introduzir a componente digital nos bens culturais, visa dar relevo aos traços do passado e refutar narrativas recentes que possam reduzir o grau de proteção do Património Cultural de Influência Portuguesa no Mundo”, afirma Christiano Bomfim, idealizador do projeto.


O projeto também promoverá uma exclusiva visita guiada na Alma Mater da língua portuguesa, a Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra. Construída no século XVIII, trata-se da maior e da mais antiga biblioteca de todo o mundo lusófono.


Do edificado ao material e imaterial, será uma oportunidade para conhecer a Biblioteca Joanina, apresentada pela atriz Rosí Ferh acompanhada pela pianista Christina Margotto, que vai executar obras de António Fragoso e Ronaldo Miranda no interior da biblioteca.


A trilha sonora também contará com a participação do Brasil Afro Sinfónico, composto por Olodum, o instrumentista e cantor Armandinho Macedo e a Orquestra Filarmônica de São Petersburgo. 


 

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑