Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 6 de maio de 2021

Revista apresenta como cooperativas da agricultura familiar baiana acessaram diversos segmentos de mercado


 O Governo do Estado celebra o resultado de investimentos em cooperativas da agricultura familiar com o lançamento da Revista Bahia Produtiva, que aconteceu, nesta quinta-feira (29), durante evento on-line realizado com associações e cooperativas baianas.



A publicação traz uma síntese do potencial desse segmento, com a apresentação de 17 cooperativas e associações baianas, que juntas faturaram R$44,7 milhões em 2020, com a conquista de novos mercados, com identidade e marca próprias. Esses produtos já estão nas prateleiras de supermercados, em lojas físicas ou virtuais para serem adquiridos por consumidores de diversas partes do país e até de outros países, com as exportações que já vêm sendo realizadas.



São cooperativas apoiadas com investimentos na base de produção, gestão, infraestrutura, equipamentos e acesso ao mercado pelo Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).



O secretário da SDR, Josias Gomes, enfatizou que a tarefa da SDR é criar ao longo do tempo condições para atingir as metas de manutenção do homem e da mulher no campo, com dignidade, renda e produzindo cada vez mais alimentos: “Estamos patrocinando uma revolução no campo, que se insere em um projeto mundial de aumentar o fornecimento de alimentos. Um caminho emancipador para essas organizações. A revista mostra para o Brasil e para o mundo o que estamos construindo na agricultura familiar baiana, resultado do trabalho de excelência da equipe técnica em todo o estado”.



Os investimentos da CAR, via Bahia Produtiva, possibilitaram a qualificação da produção e o acesso a mercados variados, a exemplo do segmento Fitness, Vegano, Orgânico, de Cosméticos, Não Transgênico, Gastronômico, de Bebidas Lácteas, Gourmet, de Moda Sustentável, do Biodiesel, entre outros.



Para o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, o projeto tem o grande desafio de contribuir para que os empreendimentos sejam técnica e economicamente viáveis: “A revista é um registro para explicitar e divulgar os resultados efetivos do Bahia Produtiva, aqueles que impactam localmente nos próprios empreendimentos e na vida das pessoas. É a constatação de que os investimentos, ancorados em planos de negócios e na assistência técnica em gestão, dão muito certo, ao se revertem em faturamento crescente, que atestam a relação custo/benefício desses empreendimentos apoiados e, o mais importante, gerando mais emprego e renda na ponta, para os agricultores integrantes”.



A revista, produzida pela Assessoria de Comunicação da SDR/CAR, destaca a história de cada cooperativa, seus diferenciais de produção e do cultO Governo do Estado celebra o resultado de investimentos em cooperativas da agricultura familiar com o lançamento da Revista Bahia Produtiva, que aconteceu, nesta quinta-feira (29), durante evento on-line realizado com associações e cooperativas baianas.


A publicação traz uma síntese do potencial desse segmento, com a apresentação de 17 cooperativas e associações baianas, que juntas faturaram R$44,7 milhões em 2020, com a conquista de novos mercados, com identidade e marca próprias. Esses produtos já estão nas prateleiras de supermercados, em lojas físicas ou virtuais para serem adquiridos por consumidores de diversas partes do país e até de outros países, com as exportações que já vêm sendo realizadas.



São cooperativas apoiadas com investimentos na base de produção, gestão, infraestrutura, equipamentos e acesso ao mercado pelo Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).


O secretário da SDR, Josias Gomes, enfatizou que a tarefa da SDR é criar ao longo do tempo condições para atingir as metas de manutenção do homem e da mulher no campo, com dignidade, renda e produzindo cada vez mais alimentos: “Estamos patrocinando uma revolução no campo, que se insere em um projeto mundial de aumentar o fornecimento de alimentos. Um caminho emancipador para essas organizações. A revista mostra para o Brasil e para o mundo o que estamos construindo na agricultura familiar baiana, resultado do trabalho de excelência da equipe técnica em todo o estado”.


Os investimentos da CAR, via Bahia Produtiva, possibilitaram a qualificação da produção e o acesso a mercados variados, a exemplo do segmento Fitness, Vegano, Orgânico, de Cosméticos, Não Transgênico, Gastronômico, de Bebidas Lácteas, Gourmet, de Moda Sustentável, do Biodiesel, entre outros.


Para o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, o projeto tem o grande desafio de contribuir para que os empreendimentos sejam técnica e economicamente viáveis: “A revista é um registro para explicitar e divulgar os resultados efetivos do Bahia Produtiva, aqueles que impactam localmente nos próprios empreendimentos e na vida das pessoas. É a constatação de que os investimentos, ancorados em planos de negócios e na assistência técnica em gestão, dão muito certo, ao se revertem em faturamento crescente, que atestam a relação custo/benefício desses empreendimentos apoiados e, o mais importante, gerando mais emprego e renda na ponta, para os agricultores integrantes”.


A revista, produzida pela Assessoria de Comunicação da SDR/CAR, destaca a história de cada cooperativa, seus diferenciais de produção e do cultivo, a matéria-prima e sua importância na geração de trabalho e renda para os agricultores. Além disso, mostra a acessibilidade e transparência na gestão desses empreendimentos, com informações sobre números de associados e faturamento.


A publicação está disponível no site www.car.ba.gov.br, na área de publicações do projeto Bahia Produtiva ou pelo link https://bityli.com/s70TA.


Sobre o projeto


Até o mês de abril de 2021, o Bahia Produtiva já contabiliza 42.272 famílias de agricultores e agricultoras atendidas pelo projeto, com investimento de R$559,6 milhões em 1.263 ações de inclusão socioprodutiva e acesso ao mercado, desenvolvidas em todas as regiões da Bahia. O projeto é cofinanciado pelo Banco Mundial.

ivo, a matéria-prima e sua importância na geração de trabalho e renda para os agricultores. Além disso, mostra a acessibilidade e transparência na gestão desses empreendimentos, com informações sobre números de associados e faturamento.


A publicação está disponível no site www.car.ba.gov.br, na área de publicações do projeto Bahia Produtiva ou pelo link https://bityli.com/s70TA.


Sobre o projeto


Até o mês de abril de 2021, o Bahia Produtiva já contabiliza 42.272 famílias de agricultores e agricultoras atendidas pelo projeto, com investimento de R$559,6 milhões em 1.263 ações de inclusão socioprodutiva e acesso ao mercado, desenvolvidas em todas as regiões da Bahia. O projeto é cofinanciado pelo Banco Mundial.


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑