Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 23 de julho de 2021

Estação de Transbordo da Rodoviária recebe campanha contra gripe


A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) promoveu, nesta quinta-feira (22), mais uma ação de descentralização da vacinação contra a gripe em Salvador. A medida faz parte dos esforços da pasta para ampliar o acesso ao imunizante em toda cidade. Desta vez, a equipe de imunização foi até a Estação de Transbordo da Rodoviária, onde aproximadamente 450 pessoas receberam a vacina na estratégia, que durou até as 16h. 


Na ação, onde também foram distribuídas máscaras para a população, a gerente da Unidade Básica de Saúde Eunísio Coelho Teixeira, Ana Nicomedes, comemorou a adesão dos transeuntes e trabalhadores do terminal à campanha vacinal. “A vacinação teve um movimento bom e atingiu nossas expectativas, afinal é com esperança e alegria que viemos até aqui com a Maria Gotinha e o DJ, alegrando a população num período pandêmico”. 


Segundo Ana Nicomedes, a ação foi programada para convocar a população que está mais voltada para a vacina contra a Covid-19. Nos anos anteriores, a vacinação bateu recorde de procura – em 2020 foram mais de 800 mil pessoas atingidas –, mas em 2021 pouco mais de 512 mil doses haviam sido aplicadas no município. “Para não ficar restrito aos postos e alcançar mais a população, decidimos com apoio da secretaria trazer esse posto avançado”. 


O DJ e agente comunitário Anderson Martins, que atua na USF Claudelino Miranda, no Resgate, distraía os presentes ao som da pisadinha, o ritmo do momento. Ele afirmou que a intenção de levar música para o público é aliviar a tensão – isso porque, independente do tipo de vacina, as pessoas continuam tensas, à espera do imunizante. 


Há 16 anos trabalhando na SMS, o profissional expressou o sentimento de gratidão e emoção sobre o que a música faz com as pessoas. “Vejo muitas que choram, outras agradecem, ou apenas sorriem, e isso mostra que nosso trabalho está valendo à pena”. 


Praticidade – A assistente Laís Oliveira trabalha na rodoviária e decidiu tomar a vacina no local pela oportunidade de ser no ambiente de trabalho. Ela, que já tomou a vacina da Covid-19, considera fundamental se proteger contra a doença com o imunizante da H1N1 também. 


Já Maria da Conceição é comerciante no terminal e aprovou o posto avançado pela facilidade de não precisar se dirigir a uma unidade de saúde. “Já tomei a primeira dose da Covid-19 e ajuda bastante na minha imunidade eu já estar com as duas vacinas aplicadas. Quero agora que chegue logo a minha segunda dose da vacina contra o coronavírus pra eu estar 100% imunizada”, afirmou. 


Morador de Pernambués, o auxiliar Sidney da Silva também decidiu se vacinar no local pela comodidade. “Aqui é mais próximo de casa, trabalho em Simões Filho e aproveitei o caminho para pegar meu ônibus para garantir logo a vacina”.



 Fotos: Jefferson Peixoto/Secom



0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑