Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 30 de outubro de 2021

Projeto Bem Viver leva guardas municipais a espaços culturais de Salvador

 


Zelar pela saúde mental é uma tarefa essencial para ter qualidade de vida. Pensando nisso, a Gerência de Desenvolvimento Humano (Gedhu), vinculada à Guarda Civil Municipal (GCM), deu início, na quinta-feira (28) a uma série de visitas em espaços culturais de Salvador. A proposta do projeto Bem Viver é de que, através dos passeios, os agentes possam, além de mergulhar na história e cultura da cidade, inserir momentos de lazer em suas rotinas, para aliviar o estresse do dia a dia.

 

A primeira visita guiada, que também dialoga com as comemorações pelo Dia do Servidor Público, ocorreu no Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM), no Comércio. Cerca de 30 agentes da GCM participaram da atividade. O grupo conheceu a exposição “O museu de Dona Lina”, que mistura acervos do MAM e da artista Lina Bo Bardi.

 

O diretor de Segurança Urbana e Prevenção à Violência, Mauricio Lima, explicou que a iniciativa busca contribuir no bem estar e na saúde mental dos profissionais. “O objetivo com essas visitas é possibilitar ao agente que cuide de sua saúde mental, levando-o a passeios lúdicos e culturais em museus, teatros e exposições”, frisou.

 

A expectativa é que por meio do projeto, as visitas ocorram uma vez ao mês, em diversos espaços culturais da cidade. Em novembro, os agentes deverão conhecer a Cidade da Música da Bahia, inaugurada pela Prefeitura em setembro.

 

Para o chefe do Centro de Valorização da GCM e responsável pelo Bem Viver, Roberto Santos, além do cuidado com a saúde, o projeto também é uma ferramenta de valorização profissional. “Enquanto agentes de segurança temos uma dinâmica muito estressante. Muitas vezes ter contato com esses espaços é terapêutico. É importante ter a oportunidade de se desconectar e viajar em um universo lúdico, artístico e cultural. E a arte é transformadora”, pontuou.

 

Apoio psicossocial – Contribuir na saúde mental dos servidores da Guarda Civil é uma preocupação constante do órgão. Através do Núcleo de Atendimento Psicossocial (Nups) do órgão, os agentes recebem apoio psicossocial com atendimentos em três áreas fundamentais: psicologia, psiquiatria e assistência social.

 

Atividades, terapias, programas preventivos na área de saúde mental, palestras, atendimentos psicológicos individuais e em grupos, buscando auxiliar no alívio das tensões e na busca pela qualidade de vida, são promovidos no local. O Nups funciona na Lagoa dos Pássaros, no Stiep.

 

 Foto: Ascom/GCM


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑