Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 6 de outubro de 2021

Projeto Todo Dia é Rosa devolve autoestima de mulheres

 


Projeto Todo Dia é Rosa devolve autoestima de mulheres com reconstrução gratuita da aréola mamária 


Desde o início da década de 90, o mês de outubro se tornou símbolo da campanha Outubro Rosa, que tem como objetivo compartilhar informações e promover a conscientização sobre o câncer de mama. No Brasil, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), anualmente, 66.280 novos casos da doença são diagnosticados em mulheres e, mesmo que raro, também acomete 1% dos homens.  



Com o objetivo de devolver a autoestima de mulheres e homens que tiveram câncer de mama, a esteticista e cosmetologista Márcia Barreto criou, em 2018, o projeto Todo Dia é Rosa - cuja ação consiste na reconstrução da aréola do seio (círculo pigmentado em torno dos mamilos), por meio da técnica de micropigmentação paramédica. A finalidade do procedimento é devolver o formato mais próximo ao realismo da aréola mamaria. Por se tratar de um projeto de cunho social, o atendimento ocorre de forma gratuita. Basta apresentar um relatório médico autorizando o procedimento. Além da reconstrução da aréola, o projeto contempla a micropigmentação de sobrancelha, beneficiando mulheres com diagnóstico de outros tipos de câncer. Os agendamentos devem ser feitos pelo telefone 71 99129-4422. 


Entre as mulheres que já foram beneficiadas pelo projeto está a Relações Públicas, Djeane Carvalho, de 44 anos. Aos 26 anos Djeane foi diagnosticada com câncer de mama e, segundo ela, descobrir que estava com a doença foi um grande susto. Mas, também, “foi daí em diante que percebi a força que eu tinha e não sabia”, revela. Segundo ela, enfrentar os efeitos da quimioterapia foi a parte mais complicada de todo o processo de tratamento. “Era difícil, pois a cada sessão ficava praticamente uma semana na cama, devido aos efeitos colaterais. Mas, tive muito apoio da minha família, de pessoas amigas e sobretudo de Deus”, afirma a Relações Pública.  


 “Tive medo e às vezes tinha momentos de muita tristeza. É preciso ter equilíbrio emocional para lidar com o câncer, se não tiver, o processo se torna muito difícil”, explica Djeane. Segundo ela, a doença afetou também a sua autoestima. “Ficou abalada (a autoestima), consegui fazer a reconstrução mamária, mas sentia que estava faltando algo para completar esse processo de reconstrução e esse algo era a aréola”, relata.  


Para Djeane o processo ficou completo após conhecer o projeto Todo Dia é Rosa, por meio do Instagram. “Foi aí que busquei atendimento e fui contemplada e agraciada com a microprigmentação que simula a aréola da mama. Hoje me sinto feliz, realizada e com a autoestima elevada. Ser contemplada com essa ação me mostrou que não devemos nunca desistir dos nossos sonhos”.  


 “Meu objetivo com esse projeto é devolver às mulheres a autoestima perdida durante o processo de tratamento do câncer de mama. Foi com esse propósito que busquei me especializar e, espero com isso, proporcionar não apenas a recuperação da autoestima, mas sim, promover esperança, cuidando não só da estética, mas, principalmente, do psicológico destas mulheres”, afirma Márcia Barreto.  


             

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑