Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 4 de novembro de 2021

Agricultoras familiares comemoram chegada de novos investimentos

 Agricultoras familiares comemoram chegada de novos investimentos para produção de polpas de frutas



As agricultoras familiares da Associação de Mulheres do Projeto de Assentamento Santa Irene, do município de Gongogi, localizado no Território de Identidade Médio Rio das Contas, comemoram a chegada de novos investimentos, que irão possibilitar a requalificação da unidade de beneficiamento voltada para a produção de polpas de frutas, além da aquisição de equipamentos.


A ação, que beneficia diretamente 32 famílias e tem recursos da ordem de R$ 655,8 mil, é executada por meio do Bahia Produtiva, projeto do Governo do Estado. A partir da assinatura e entrega do convênio, na última quinta-feira (28), a associação, que já recebe acompanhamento técnico, por meio do serviço de assistência técnica e extensão rural (Ater), poderá realizar o processo de licitação para iniciar as obras de requalificação da unidade de beneficiamento e de aquisição dos equipamentos e de um veículo utilitário.


A presidente da associação, Andreia Sales dos Santos, ressalta que o trabalho vem sendo realizado de modo informal, por falta ainda de equipamentos, mas com o projeto Bahia Produtiva vai ser possível se adequar à legislação vigente e registrar os produtos. “Com o Bahia Produtiva, a gente já melhorou, com Ater, maquinários e registro. Para nós, pequenos agricultores, é tudo, pois não temos como investir nesse maquinário. Então, o apoio que o Governo do Estado dá, por meio desses projetos é muito bom. A gente passa a ter nossos sonhos e a concretizar esses sonhos. A nossa renda vai aumentar, e muito, podendo até dobrar. Vamos aproveitar nossas frutas e não vamos ter mais desperdício. Hoje, a gente só aproveita 30% da nossa capacidade. A expectativa é produzir e aproveitar até 80% das frutas”.


Voufran Charles Pereira, que atua como agente comunitário rural (ACR), explica que trabalha na mobilização das famílias da associação para acessar políticas públicas como a dos programas de Alimentação Escolar (PNAE) e de Aquisição de Alimentos (PAA), atento às chamadas públicas que a associação possa concorrer, na entrega dos produtos e no acompanhamento das ações referentes ao projeto Bahia Produtiva, que está possibilitando a ampliação da produção e as condições adequadas para produção, com a agroindústria, a o armazenamento e comercialização das polpas. “O projeto é muito importante. Aí a gente vai poder disputar com qualquer empresa que vende polpas e, com o capital que vai chegar por meio das vendas de polpas, será possível investir também em outros produtos”, afirma.


O projeto é executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com cofinanciamento do Banco Mundial. Por meio do Bahia Produtiva, o Governo do Estado vem investindo, desde 2015, em projetos de inclusão socioprodutiva, de apoio à gestão e acesso ao mercado, entre outras ações direcionadas ao segmento da agricultura familiar e aos povos e comunidades tradicionais da Bahia. Por meio do projeto são destinados recursos também para ações de abastecimento de água e saneamento, em comunidades rurais da Bahia.


Fonte: Ascom/SDR

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑