Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 7 de dezembro de 2021

Ação de coleta de resíduos na praia de Amaralina em Salvador

 


O instituto Redemar Brasil realizou ação de coleta de resíduos na praia de Amaralina em Salvador. 


 


Próxima ação será na praia de Jaguaribe no dia 08/12, quarta-feira, feriado de Nossa Senhora da Conceição. 


 



No dia 04/12, último sábado, a equipe da Redemar Brasil, da SEMA, estudantes e voluntários fizeram mais uma ação da campanha “O mar não está para plastico”, desta vez, na praia de Amaralina. A ação começou às 08h e, em menos de 10 (dez) minutos de coleta pode se observar que os resíduos recolhidos na praia estavam molhados, fragmentados e envolvidos nas algas.  


Segundo William Freitas, presidente da Redemar Brasil pela primeira a equipe encontra mais resíduos na parte molhada do que na parte seca. “A maioria do lixo que chega é trazido pela corrente marinha, pois não encontramos muitos resíduos na parte seca da praia”. 


O biólogo Vitor Bandeira, Coordenador do projeto Baleias Soteropolitanas, em uma rápida análise aponta para o excesso de microplásticos retirados da praia. “O lixo que a gente encontrou na praia de Amaralina era um lixo já bastante degradado, estava na parte úmida, muito fragmentado e associado as algas. Então, esse lixo, ele, provavelmente, veio de outras praias trazido pelas correntes e foi depositado naquela praia por conta dos fortes ventos que vieram esse final de semana. O lixo não foi gerado na praia, pois não tinha tantos resíduos na parte seca da areia. A maioria do lixo estava na parte úmida de variação de maré associado as algas. E mais de 90% desses resíduos eram plásticos e já bem fragmentados”, explica. 


O biólogo chama a atenção para os riscos dos microplásticos para nossa saúde e para o meio ambiente.  “O plastico não some, não desaparece. Aquele plastico que é macro, ele vai ser degradado e vai virar microplástico, e aí o problema fica ainda maior porque o microplástico, pois ele adsorve (que é diferente de absorver) metais pesados, ou seja, ela se agrega, se junta a esses metais pesados. A gente acaba ingere esses microplásticos que está lá na natureza através do consumo de animais marinhos que se alimentaram desses microplásticos. Essa ingestão gera diversos danos a nossa saúde, por conta, principalmente desses metais pesados que estão aderidos ao microplástico”, finaliza. 


A próxima ação da campanha “O mar no está para plástico” será amanhã, 08/12 (quarta-feira), 08h na praia de Jaguaribe. Os interessados em participar da ação podem se inscrever na hora e no local. O instituto Redemar Brasil reforça a importância de seguir todos os protocolos de saúde, limpeza, higiene e segurança para prevenção ao novo coronavírus. Por isso é necessário que todos estejam com suas máscaras e não esqueça de levar squeeze ou copo reutilizável para beber água. 


A campanha “O Mar não está para plástico” não é apenas mais ação de coleta de lixo. Os técnicos do instituto Redemar Brasil, os estudantes de biologia de UNIJORGE, de oceanografia da UFBA e voluntários realizam a coleta dos resíduos sólidos em uma faixa de areia com a extensão e o tempo delimitados. Após a coleta, os resíduos são identificados e separados por categoria como plásticos moles, plásticos sólidos, vidro, papel, alumínio, madeira, tecido. Depois de feita essa separação, realizam a contagem dos itens e, a partir deste processo já dá para traçar as caraterísticas da praia, do lixo e de seus usuários.  


Além da coleta, é aplicada uma pesquisa com os frequentadores da praia e empreendedores local, com objetivo entender o ciclo do lixo na praia e possíveis indicações de melhorias para educação ambiental e resolução de conflitos através de relatório técnico elaborado com todas as informações geradas pela ação de cada praia. 


 


SERVIÇO: 


O QUÊ: CAMPANHA O MAR NÃO ESTÁ PARA PLÁSTICO 


ONDE: PRAIA DE JAGUARIBE – PONTO DE ENCONTRO BARRACA PIPELINE  


QUANDO: QUARTA-FEIRA (08/12), ÀS 08H 


QUANTO: GRATUITO 


CONTATO: ROSANGELA PATROCINIO (71 99910-7495) / WILLIAM FREITAS (71 99937-9672) 



0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑