Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 11 de dezembro de 2021

Secretaria de Saúde alerta sobre importância da vacinação contra gripe


 Secretaria de Saúde alerta sobre importância da vacinação contra gripe para evitar surto em Salvador

Cidades como o Rio de Janeiro registram surto da influenza tipo A

A Prefeitura de Salvador recebeu essa semana 19.440 novas doses da vacina contra influenza para intensificar a estratégia na cidade. A mobilização está aberta para os grupos prioritários da campanha: trabalhador da saúde, crianças entre 6 meses e 6 anos; gestantes e puérperas; pessoas com mais de 60 anos; povos indígenas e quilombolas e pessoas com comorbidades ou deficiência permanente. Os postos também estão aplicando a 2ª naquelas crianças vacinadas pela primeira vez em 2021.

O serviço funciona de segunda a sexta-feira (exceto feriado), das 08h às 16h. É preciso apresentar o documento de RG ou levar o cartão de vacinação, para mais informações acesse: saude.salvador.ba.gov.br.  

De acordo com o titular da pasta municipal, Leo Prates, é necessário que os indivíduos que ainda não se protegeram com a aplicação do imunizante procurem os postos para evitar a disseminação viral na capital baiana. Municípios como o Rio de Janeiro já registram nesse momento um surto de influenza tipo A.

“Estamos monitorando a situação do Rio de Janeiro de surto da influenza e alertando os soteropolitanos a buscarem os postos para se protegerem contra esse vírus. Recebemos um novo lote essa semana e estamos reforçando a importância da imunização reduzir os riscos de transmissibilidade e evitar a sobrecarga dos nossos serviços de saúde”, explicou Prates.

Os postos de saúde estão priorizando a vacinação das crianças que receberam a vacina influenza pela primeira vez em 2021. Isso porque o novo esquema de imunização deste público prevê a administração de duas doses da vacina. Ou seja, a criança que tomou a dose da vacina pela primeira vez esse ano precisa retornar para fechamento do esquema.

A Influenza ou gripe é uma doença viral, aguda do aparelho respiratório, que provoca febre, tosse, dor de garganta, dores no corpo e mal-estar, sendo geralmente benigna e autolimitada. Porém, em alguns casos pode apresentar complicações, levando à internação hospitalar e até mesmo ao óbito em casos extremos. A transmissão acontece de forma direta por meio das secreções das vias respiratórias de uma pessoa contaminada ao espirrar, tossir ou falar, ou por meio indireto pelas mãos que após contato com superfícies recentemente contaminadas por secreções respiratórias de um indivíduo infectado podem carrear o vírus diretamente para a boca, nariz e olhos.

Esse ano, Salvador registrou 28 casos de influenza.

Confira os pontos:

DS Pau da Lima

* UBS Peres da Veiga

DS Barra Rio Vermelho

* Multicentro Adriano Pondé

DS Itapagipe

* UBS Ministro Alckmin

DS Centro Histórico

* Multicentro Carlos Gomes

DS São Caetano Valéria

* UBS Pericles Laranjeiras

* USF Boa Vista do Lobato

* USF Recanto da Lagoa

DS Cajazeiras

* USF Yolanda Pires

DS Liberdade

* Multicentro Professor Bezerra Lopes

DS Brotas

* UBS Manoel Vitorino

DS Cabula/Beirú

* USF Pernambuezinho

DS Subúrbio Ferroviário

* USF Teotônio

* USF Beira Mangue

*UBS Sérgio Arouca

DS Boca do Rio

* USF Pituaçu

DS Itapuã

*UBS São Cristóvão

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑