Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

Porto de Salvador terá reforço na segurança e combate ao crime

Em janeiro, será implantado o Núcleo Especial de Polícia Marítima que vai abrigar uma completa infraestrutura para as atividades operacionais da Polícia Federal


A Codeba e a Superintendência da Polícia Federal na Bahia assinaram, nesta quinta-feira (27), o termo de cessão de uso não onerosa para a instalação do Núcleo Especial de Polícia Marítima (Nepom) no Porto de Salvador. No ato estiveram presentes o superintendente Regional da Polícia Federal na Bahia, o delegado Daniel Justo Madruga, o coordenador da Comissão Estadual de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (Cesportos) na Bahia, Tiago da Silva Palma, o diretor-presidente da Codeba, Rondon Brandão do Vale, e os diretores Marise Chastinet, de Gestão Comercial e de Desenvolvimento, e Carlos Henrique Taboada, de Infraestrutura e Gestão Portuária.

O Nepom passará a funcionar em janeiro, com um efetivo de oito policiais federais. Na área, de 112 metros quadrados, além de abrigar uma completa infraestrutura para as atividades operacionais da Polícia Federal, terá o setor de atendimento ao público externo, com acesso pela Av. da França, salas de operação e reunião, copa, banheiros, almoxarifado, alojamento, estacionamento para veículos e embarcações, dentre outros.

Para o delegado Madruga, o Núcleo é um marco tanto para a Polícia Federal como para a Codeba, porque estes órgãos vão conseguir otimizar as ações no Porto de Salvador. “A Polícia Federal fará parte integrante do porto da capital baiana, com respostas mais rápidas, fortalecendo assim a segurança”, explicou.

O Nepom terá como foco principal o combate ao crime a bordo das embarcações e também na área restrita ao porto. “A nossa prioridade será o aumento na rotina das fiscalizações e patrulhamento em toda a Baía de Todos os Santos”, ressaltou o superintendente Madruga.

O diretor-presidente Rondon destacou que o sistema de segurança é uma grande preocupação nos portos públicos. Ele informou que a Codeba vai implantar o Núcleo de Inteligência e Segurança Portuária, visando exercer o patrulhamento preventivo e ostensivo terrestre e marítimo, como também realizar a vigilância patrimonial. “Dentre os objetivos do NISP estão o de executar as atividades de inteligência, de controle de informações e de dados, bem como trocar informações com os demais órgãos de segurança nas esferas federal, estadual e municipal, buscando a manutenção de maior nível de eficiência da segurança portuária”, disse.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑