Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 26 de outubro de 2019

Prêmio de Boas Práticas é entregue nesta quinta-feira (24)

Ministério Público e Secretaria da Saúde são os grandes vencedores



O Ministério Público da Bahia (MP/BA) e a Secretaria da Saúde (Sesab) são os grandes vencedores da décima edição do Prêmio de Boas Práticas, entregue na tarde desta quinta-feira (24), em Salvador. O MP/BA levou o primeiro lugar, com o projeto “Sistema de Informações de Custos MP”, enquanto que a Sesab acumulou seis iniciativas premiadas durante a cerimônia: dos cinco primeiros lugares, quatro são da secretaria, que ainda recebeu duas menções honrosas. Também estão entre os vencedores do Boas Práticas a Secretaria da Educação (SEC), com dois projetos, e a Embasa.



As ações inovadoras deram destaque a projetos que aprimoraram a gestão da máquina pública e a prestação de serviços públicos, sempre tendo como foco principal o benefício ao cidadão. “Este evento é de reconhecimento aos servidores talentosos, que, com idéias criativas, vem trazendo uma melhoria da máquina pública. Um evento como este serve exatamente para percebemos o quanto o Estado é capaz de reter pessoas comprometidas com a sua profissionalização”, afirmou o secretário da Administração, Edelvino Góes. Os servidores Robério Pereira da Silva Júnior e André Luís Sant’Ana Ribeiro, do MPBA, receberam o prêmio do secretário e da procuradora geral da Justiça em exercício, Sara Mandra. 

 “Com este projeto, nós temos um modelo simples e barato, que pode ser replicável para outros municípios, órgãos ou secretarias. Independente do sistema de custos já feito pela Secretaria da Fazenda, nosso trabalho é inovador neste sentido: com tanto escassez, com uma equipe pequena, conseguimos desenvolver este projeto e temos plena consciência de que estamos aqui para contribuir”, pontuou Robério. Para ele, não existiu primeiro lugar entre os vencedores. “Percebemos uma intersecção entre todos que estão aqui: acreditar num sonho, superar barreiras e desenvolver algo que seja realmente efetivo e que traga um resultado para a sociedade”, declarou Robério. 

O prêmio foi criado em 2007 para contemplar práticas de excelência que contribuam para garantir a qualidade e eficiência do serviço público, além de ter o objetivo de valorizar e incentivar os servidores estaduais, com reconhecimento por seu trabalho. O Boas Práticas é realizado pela Secretaria da Administração (Saeb), por meio da Diretoria de Desenvolvimento e Valorização de Pessoas (DDE). Ao todo, foram entregues hoje (24) R$ R$ 32 mil aos dez premiados (confira lista abaixo). Todas as iniciativas vencedoras podem ser conferidas no Banco de Boas Práticas (hwww.inova.saeb.ba.gov.br/boas-praticas).

Este ano, foram registradas 248 submissões, um recorde histórico de participantes, demonstrando a vitalidade da premiação após dez anos. Lançado pela Lei no 10.848/2007, o Boas Práticas é voltado aos servidores da administração pública estadual direta e indireta - abrangendo os poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, além do Ministério Público e da Defensoria Pública. 

Dentre os 248 inscritos na edição deste ano, 215 foram de servidores estaduais do Poder Executivo, além de 33 outros projetos do Legislativo e Judiciário e de funcionários do Ministério Público e Defensoria Pública. Os órgãos que registraram o maior número de inscrições foram a Sesab (46 projetos); Polícia Militar (39); SEC (29); e Embasa (18). 

Seleção – Formada por representantes da Saeb, além da Secretaria de Trabalho (Setre), Casa Civil, Fapesb, Poder Judiciário, Poder Legislativo, Ministério Público e Defensoria Pública, uma comissão realiza a triagem dos projetos inscritos dentro de uma nota de corte, definida pela mesma. Em seguida, é realizada uma visita in loco, quando acontece uma segunda avaliação. 

São avaliados projetos que desenvolvam ações baseadas no estímulo à criatividade, produtividade, eficiência, economicidade e qualificação do serviço público.  Também será levada em conta a concepção do ambiente de trabalho decente, critério estabelecido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), que agrega conceitos como segurança, saúde, produtividade e qualidade.  

Podem ser premiados quaisquer projetos desenvolvidos por servidores estaduais que melhoram seu ambiente de trabalho, aprimorando suas tarefas diárias, da sua equipe ou instituição, melhorando também a prestação de serviços para o cidadão e a gestão de recursos públicos.

Premiação – O Boas Práticas é concedido a cada dois anos, por ocasião da data comemorativa do Dia do Servidor Público e como parte da política de valorização do funcionalismo estadual. Sua última edição aconteceu em 2017, de acordo com a Lei n° 13.716/2017, que agora alterna a sua realização a cada ano com o Prêmio Servidor Cidadão. Este ano, o evento aconteceu no auditório do Centro de Operações e Inteligência de Segurança Pública 2 de Julho, no Cetro Administrativo da Bahia (CAB).

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑