Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 25 de novembro de 2019

Baianos arrematam vacas da CowParade

 
Leilão arrecadou 165 mil e vai beneficiar projetos sociais de Salvador   

A solidariedade falou alto na noite desta quinta-feira, 21 de novembro, durante o leilão da 13ª edição da CowParade Brasil. Estrelas da noite, as vaquinhas assinadas por diversos artistas baianos foram disputadas presencialmente e pela internet, em tempo real, durante o evento que encerrou a edição da CowParade na Bahia. Foram vendidas 25 esculturas de vacas em uma arrecadação de R$ 165 mil. As Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), o Hospital da Criança Martagão Gesteira e as associações Fábrica Cultural e Pracatum são as instituições beneficiadas pelo projeto.

Maior lance da noite, no valor de R$ 9 mil, a obra ‘Vaca Urbana da Malha Geométrica’, de Bel Borba, foi umas das mais concorridas e, lance a lance realizados no salão do evento e pela internet, terminou arrematada pelo próprio artista. Além dela também receberam lances generosos as esculturas assinadas pelo Miranda Estúdio, vendida por R$ 7,8 mil, pela artista Maria Adair, com o valor de R$ 7,4 mil, e por Chany Duscio, adquirida por R$ 7 mil.

“A maior missão da CowParade se concretiza aqui, nessa noite, com o propósito de levar o bem através da arte, beneficiando essas instituições que realizam um trabalho tão fundamental e importante”, destacou Catherine Duvignau, sócia-diretora da Toptrends, empresa organizadora da exposição no Brasil. Realizado no Cerimonial Rainha Leonor, na Pupileira, em Nazaré, o leilão reuniu artistas, benfeitores das instituições beneficiadas e apreciadores de arte, além de representantes do poder público.

Maria Rita Pontes, superintendente da OSID, que abriga um dos maiores complexos de saúde 100% SUS do país, e Rosinha Bahia, presidente do conselho do Hospital da Criança Martagão Gesteira, também marcaram presença. As duas instituições que representam são as principais favorecidas pelo projeto nesta edição.

Além delas, também serão beneficiadas a Associação Pracatum, que teve em seu favor a vaca pintada por Carlinhos Brown, padrinho desta edição da CowParade, arrematada no leilão por R$ 6,7 mil, e a Fábrica Cultural, favorecida pela obra assinada pelo artista Jair Gabriel, a convite de Margareth Menezes, madrinha do projeto, que esteve também no leilão. A etapa do leilão contou ainda com uma madrinha de honra, a presidente do Parque Social Rosário Magalhães.

Maior exposição a céu aberto do mundo, a CowParade foi abraçada pelo público baiano, que interagiu fortemente com o rebanho colorido das vaquinhas nas ruas da capital. “Sinto que a alegria e a criatividade fazem parte do DNA do baiano e essas caraterísticas fizeram com que a gente se sentisse em casa ao chegar aqui. Com a exposição da CowParade não foi diferente e patrocinar essa iniciativa por aqui é uma forma de retribuir esse abraço do público baiano”, destacou Miguel Jarros, diretor de marketing da Extrafarma, patrocinadora do evento.

Entre as outras vacas arrematadas estão as assinadas pelos artistas Murilo Ribeiro, Leo Furtado, Catarina Argolo, Scank, Menelaw Sete, Leonel Matos, Lucas de Ouro, Teca Abbehusen, Oliver Dorea, Pedrinho da Rocha, Roney George, Rudá Ribeiro, Ruy Carvalho, Ramsestencil, Twi, Ziunar Souza e as especiais ‘Abraço’ e ‘Gripada’. As obras não vendidas continuam disponíveis para os interessados na plataforma do leiloeiro: rmgouvealeiloes.com.br.

No Brasil, a CowParade já arrecadou e doou mais de R$ 6 milhões para ações sociais. Ao redor do mundo, mais de 10 mil artistas já participaram da CowParade e estima-se que mais de 500 milhões de pessoas tenham visto uma das esculturas. No total, mais de US$ 35 milhões foram levantados para entidades beneficentes através do leilão das peças.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑