Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 8 de abril de 2020

Agências fechadas por suspeita de contaminação

O Sindicato dos Bancários da Bahia vem alertando desde o início dos primeiros casos de coronavírus no país, para a necessidade de o sistema financeiro adotar medidas efetivas para impedir o avanço da Covid-19, afinal as agências bancárias têm grande circulação de pessoas, sendo vetores de propagação do vírus. 


A preocupação não era em vão. Hoje, a Bahia tem cerca de 10 unidades fechadas por suspeita de contaminação da doença. Duas, são de Salvador. A Caixa do Porto da Barra, fechada nesta quarta-feira (08/04), e a da avenida Paulo VI, com as atividades suspensas desde terça-feira (07/04). O locais vão ficar fechados por cinco dias para limpeza minuciosa. 


Não é à toa que boa parte das agências fechadas seja da Caixa. O banco, único 100% público do país, gerencia a maioria dos programas de inclusão social. É o caso do Bolsa Família. Também concentra a maioria dos pagamentos dos auxílios emergenciais pagos pelo governo federal e pela Prefeitura de Salvador.


Paralelamente a alta demanda de serviço, um decreto da Prefeitura obriga os bancários a ordenarem as filas na área externa dos bancos para evitar aglomeração. A iniciativa é até boa, mas não deve ser feita pelos funcionários ou vigilantes, pois além de ficarem mais sobrecarregados e expostos à doença, têm de dar conta de uma demanda que não é de sua competência. Para isso, o Sindicato cobra o apoio da guarda municipal e da Polícia Militar. 


Outros equipamentos
O Sindicato dos Bancários da Bahia reforça ainda a necessidade de os bancos fornecerem o mais rápido possível EPIs (Equipamento de Proteção Individual) aos empregados, como máscaras e álcool gel. Outro item importante é a instalação de protetores de acrílicos em todas as agências. 


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑