Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 27 de maio de 2020

Feriado antecipado resulta em redução recorde do número de passageiros

O movimento de pessoas transportadas pelos ônibus durante dois dias de feriados antecipados pela Prefeitura e governo do Estado caiu consideravelmente, segundo dados da Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob). Na segunda-feira (25), quando houve a antecipação do São João, uma redução de 80% do número de passageiros transportados foi registrada. Ontem (26), feriado de Dois de Julho, o índice foi de 82% a menos.

Segundo Fábio Mota, titular da Semob, esse foi um número recorde desde o início da pandemia do coronavírus na cidade. “A queda superou as expectativas. Nós estávamos transportando 35% das pessoas, depois caiu para 30% e agora caiu para 18%. Esses cidadãos que estão sendo transportados são apenas os que atuam em serviços essenciais mesmo: dos hospitais, da área de segurança pública e que tem necessidade de se deslocar para o seu trabalho”, diz.

Para não prejudicar essa parcela da população que está atuando diariamente nos serviços essenciais, a Semob fez um planejamento visando atendê-la de forma satisfatória, principalmente nos horários de pico. “A gente trabalha com uma frota que nós programamos para atender aos serviços essenciais, que nós sabemos que está em torno de 18% a 20% das pessoas que pegam ônibus normalmente na cidade. O nosso trabalho segue a linha de incentivar o cidadão a não sair de casa, com exceção daqueles que realmente precisam”, completa Mota.

Trânsito – A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) registrou, na segunda-feira (25), uma queda de 39% na circulação de veículos na cidade, quando a comparação é feita a um dia normal. Ontem, a redução foi de 45%. Ao todo, 745.774 veículos passaram pelas vias da cidade que são monitoradas por radares e fotossensores nos dois dias de feriados antecipados. 

“O objetivo da antecipação dos feriados é o de reduzir o fluxo de veículos e a movimentação na cidade. É o momento das pessoas ficarem em casa. É preciso que as pessoas compreendam a necessidade de respeitar esse período de emergência. A colaboração de todos é fundamental. Quanto maior for o respeito a essas normas, mais rápida será a volta à normalidade”, explica o superintendente de Trânsito, Fabrizzio Müller.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑