Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 30 de março de 2021

Familiares relatam diversidade de emoções com vacinação de idosos


 Fotos: Bruno Concha/Secom

 

A vacinação da população idosa tem provocado uma sensação de alívio não apenas nas pessoas que estão recebendo a dose, mas também nos filhos, netos e demais familiares que tiveram que conviver todo esse ano de pandemia com a preocupação, o medo e, muitas vezes, com a impossibilidade de ver o seu familiar. É por isso que o momento de aplicação das doses tem sido tão marcante, com direito a agradecimentos e até postagens nas redes sociais.

 

Taliane Almeida, de 20 anos, fez questão de registrar a aplicação em sua mãe, Jacira Almeida, de 67 anos, na manhã desta segunda-feira (29). A presença no drive thru da Arena Fonte Nova rendeu imagens para publicar no Facebook, Instagram e no grupo da família do WhatsApp, bem no dia do aniversário de 472 anos da capital baiana.

 

“Eu me sinto muito mais aliviada. Esse dia foi bastante esperado, pois a minha mãe é tudo para mim. Vê-la imunizada me deixa muito feliz”, conta ela, que estava acompanhada também pelo tio João Kleber para registrar o momento.

 

A vacinação de idosos com 66 anos começou hoje, juntamente com novos trabalhadores de saúde e pessoas que fazem hemodiálise na capital. Amanhã terá início a vacinação em cidadãos com idade a partir de 65 anos. 

 

No drive thru da Arena Fonte Nova, que conta com sete boxes e sete vacinadores, a fila estava pequena, com uma média de 15 minutos de espera. Cada boxe conta com pequenos cartazes com palavras positivas, a exemplo de fé, gratidão, alegria e amor. A iniciativa foi dos próprios vacinadores. Ontem, 1.860 doses foram aplicadas no local.


 

Transmissão – Ivone Lucas, de 66 anos, nem dormiu direito ansiosa pela imunização. O filho, Gilmar Lucas, 40 anos, acordou mais cedo que o de costume para levá-la ao posto. De um lado, Ivone dava o braço para receber a dose, do outro, Gilmar filmava a aplicação. E a alguns quilômetros dali, a família de Ivone estava de olho no celular para assistir ao momento esperado.

 

Gilmar enumera facilmente algumas das dificuldades mais recorrentes nos últimos meses de pandemia: ter recebido a notícia de que pessoas próximas estavam com a Covid-19, ter sentido aflição ao perceber qualquer sintoma diferente na mãe, ter cancelado o encontro de família e de amigos nos finais de semana e feriados e ter visto a sua mãe triste por, muitas vezes, não poder sair de casa. “Todos nós da família estávamos muito preocupados”.

 

Cadastramento – Antes de comparecer ao local de vacinação, o cidadão precisa verificar se o nome está na lista disponível no endereço www. saude. salvador.ba. gov. br. Caso contrário, o idoso ou responsável pode fazer o cadastramento no site www. recadastramento. saude. salvador. ba. gov. br ou presencialmente no 5º Centro de Saúde, nos Barris – se o idoso estiver presente, já recebe a primeira dose no local.

 

Locais de vacinação – A imunização com a primeira dose em idosos ocorre nos seguintes pontos de drive-thru: Universidade Federal da Bahia (campus de Ondina), Arena Fonte Nova (Nazaré), Atakadão Atakarejo (Fazenda Coutos), 5º Centro de Saúde (Barris), Parque de Exposições (Paralela), Centro de Convenções de Salvador (Boca do Rio), Barradão (Canabrava), Unijorge e Vila Militar (Dendezeiros).

 

Já os pontos fixos de vacinação estão situados na Unidade de Saúde da Família (USF) de Vista Alegre, Unidade Básica de Saúde (UBS) Nelson Piauhy Dourado de Águas Claras, USF do Resgate, USF de Santa Luzia, USF da Federação, USF de Plataforma, USF de Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde (Barris), Unijorge, Barradão e Colégio da Policia Militar (CPM) – Dendezeiros.

 

Segunda dose para idosos – A aplicação da segunda dose para completar o esquema vacinal segue normalmente na capital baiana tanto para idosos quanto para profissionais de saúde. É preciso observar a data de retorno no site da SMS e no cartão de vacina obtido na ocasião da primeira aplicação. No caso dos idosos, a segunda dose é aplicada nos mesmos postos destinados a pessoas a partir de 66 anos.

 

Vacina Express – Os idosos com 69 anos ou mais, preferencialmente acamados ou com dificuldade de locomoção, também podem fazer o agendamento da vacinação domiciliar através do site vacinaexpress. saude. salvador. ba. gov. br. As equipes volantes desse serviço têm capacidade de atender 200 idosos por dia. Quem recebeu a primeira dose pelo serviço não precisa fazer o agendamento – as equipes retornarão na data indicada para aplicar a segunda dose. 


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑