Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

25 de setembro: dia Nacional do Rádio



O veículo da emoção, que leva aos lares brasileiros companhia, informação, utilidade pública e diversão comemora em 25 de setembro o seu dia. Parabéns ao ouvinte e a todos que fazem o rádio brasileiro.


O Dia Nacional da Rádio é comemorado em 25 de setembro. A data lembra o nascimento de Roquete Pinto, considerado o “Pai do Rádio Brasileiro”. A primeira transmissão radiofônica no Brasil aconteceu no dia 7 setembro de 1922,  na comemoração do centenário da independência brasileira. Na ocasião, uma estação de rádio foi instalada no Corcovado, no Rio de Janeiro, para a veiculação de músicas e do discurso do então presidente Epitácio Pessoa. Hoje, mais de 9 mil emissoras operam em todo o território brasileiro com uma cobertura de 83,8% dos domicílios, segundo dados da Associação Brasileira de Empresas de Rádio e Televisão (Abert). 


Fonte: www.abert.org.br, com adaptações.


O Dia Nacional da Rádio é comemorado em 25 de setembro. A data lembra o nascimento de Roquete Pinto, considerado o “Pai do Rádio Brasileiro”. A primeira transmissão radiofônica no Brasil aconteceu no dia 7 setembro de 1922, na comemoração do centenário da independência brasileira.


Dia Nacional do Rádio: relembre a primeira transmissão no Brasil


O Dia Nacional da Rádio, comemorado nesta sexta-feira (25), homenageia o nascimento de Roquete Pinto. Considerado o Pai da Rádio Brasileira por fundar a primeira rádio no País, o carioca enxergou no rádio uma ferramenta para melhorar a Educação. Para celebrar a data, o 33Giga e Centro de Memória Bunge relembram a história do primeiro veículo de comunicação de massa.


Dia Nacional do Rádio


Formado em medicina, Roquete convenceu a Academia Brasileira de Ciências a comprar os equipamentos necessários para fundar a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro em 1922 e, em 7 de setembro do mesmo ano, foi ao ar a primeira transmissão de rádio em comemoração ao centenário da Independência do Brasil.

A estação foi instalada no Rio de Janeiro para a veiculação de músicas e discurso do presidente Epitácio Pessoa, transmitida para 80 receptores espalhados pela então capital do País.

Em 1924, foram fundadas as emissoras Rádio Clube do Brasil e Educadora Paulista, seguidas de outras instalações na Bahia, Pará e Pernambuco. Até o final dos anos 1920, o rádio era um meio de comunicação experimental até que, em 1932, o presidente Getúlio Vargas assinou um decreto que autorizava as emissoras a terem 10% de sua programação dedicada à publicidade. A mudança expandiu o sistema de radiodifusão no País, dando início a era do rádio comercial.

Uma parte da história nacional do Rádio, bem como documentos textuais, iconográficos, tridimensionais e audiovisuais podem ser encontrados no Acervo do Centro de Memória Bunge, criado em 1994. Todo acervo está disponível para consulta e visitação, após o fim do isolamento, mediante agendamento.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑